sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Nossa Senhora desvendou um imenso cenário enquanto falava

La Salette: vista panorâmica desde o local da aparição
La Salette: vista panorâmica desde o local da aparição
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs




As palavras de Nossa Senhora tinham um efeito saliente: produziam o que significavam.

As crianças viam com os olhos o que elas queriam dizer. Como se o imponente anfiteatro do local celeste tivesse se desvanecido, e em seu lugar houvesse um imenso telão onde os pastores viam acontecer o que Nossa Senhora dizia.

Aí contemplavam desde as menores coisas até o próprio Deus.

Mélanie explicou:

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Apóstolos dos Últimos Tempos, La Salette e
e o Tratado da Perfeita Devoção a Nossa Senhora,
de São Luis Maria Grignion de Montfort

O profeta Santo Elias, estátua no Monte Carmelo em Terra Santa.  Ele pelos seu zelo por Deus bem pode ser considerado um modelo  para os Apóstolos dos Últimos Tempos
O profeta Santo Elias, estátua no Monte Carmelo em Terra Santa.
Ele pelos seu zelo por Deus bem pode ser considerado um modelo
para os Apóstolos dos Últimos Tempos
Hoje a Igreja comemora do histórico dia de há 168 em que Nossa Senhora apareceu em La Salette. Ela fez nessa ocasião um apelo premente aos Apóstolos dos Últimos Tempos.

Até ditou a Mélanie a Regra que deveriam seguir esses Apóstolos dos Últimos Tempos.

Mas, quem são eles?, onde estão? quando vão se manifestar?

O que sabemos deles é por meio de intuições, inspirações e visões proféticas de diversos santos e doutores, entre os quais não podemos deixar de citar Santa Teresa de Jesus. Veja o que disse a grande santa carmelita sobre eles.

No contexto de La Salette, esses apóstolos, êmulos dos grandes e insuperáveis Apóstolos chamados por Nosso Senhor Jesus Cristo durante sua pregação, terão um papel fundamental na derrocada dos males que afligem a humanidade, a Cristandade e a Igreja.

Porém, ninguém falou sobre esses enviados futuros de Deus com tanta convicção, lógica e ardor quanto São Luís Maria Grignion de Montfort, o incansável pregador da Sagrada Escravidão de amor a Nossa Senhora.

Apóstolos dos Últimos Tempos e realização dos anúncios de Nossa Senhora em La Salette -- como também na rue du Bac e em Fátima -- parecem ser realidades intrinsecamente ligadas.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Nossa Senhora de La Salette e seu indescritível olhar durante a aparição


Mélanie descreveu assim o olhar de Nossa Senhora, como ela viu na aparição:

“Os olhos da Santíssima Virgem, nossa terna mãe, não podem ser descritos por língua humana.

“Seria preciso um serafim, seria preciso a linguagem do próprio Deus, desse Deus que criou a Virgem Imaculada, obra-prima de sua onipotência.

“Os olhos da augusta Maria pareciam mil vezes mais belos que os brilhantes, os diamantes, as pedras preciosas mais procuradas.

“Eles brilhavam como sóis. Eram doces, feitos da própria doçura, luminosos como um espelho. Em seus olhos via-se o Paraíso, eles atraíam a Ela.

“Ela parecia querer dar-se e atrair. Quanto mais eu a olhava, mais a queria ver. Quanto mais a via, mais a amava com todas minhas forças.

“Os olhos da bela Imaculada eram como a porta de Deus, de onde se via tudo que pode inebriar a alma. Quando meus olhos se encontravam com os da Mãe de Deus e minha, sentia dentro de mim uma feliz revolução de amor, uma promessa de amá-la e de me desfazer de amor.

“Quando nos olhávamos, nossos olhos conversavam à sua maneira. Eu a amava tanto, que teria querido osculá-la entre os olhos.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Como se apresentou Nossa Senhora em La Salette


Mélanie e Maximin se encontravam nesse momento num local mais alto, e foram descendo, de início intrigados e depois maravilhados. Maximin continua:

“Embora estivéssemos a uma distância de uns vinte metros, ouvimos uma voz doce, como se saísse de uma boca próxima de nossos ouvidos, que dizia:

– Avançai meus filhos, não tenhais medo. Estou aqui para vos anunciar uma grande notícia.

O temor respeitoso que nos tinha contido desvaneceu-se. Corremos até ela, como indo a uma boa e excelente mãe”.

Mélanie sempre foi mais meticulosa nas suas descrições. Deixou registrado com mais pormenores o que viu e ouviu. Ela conta:

“O vestido da Santíssima Virgem era branco prateado e todo brilhante. Não tinha nada de material, estava composto de luz e de glória variante e cintilante.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Como se deu a aparição de La Salette

Mélanie e Maximin, os dois videntes, desceram para ver uma grande luz, dentro da qual havia uma Dama
Mélanie e Maximin, os dois videntes, desceram para ver uma grande luz, dentro da qual havia uma Dama




Na manhã do 19 de setembro de 1846 Maximin acompanhou Mélanie para cuidar do gado. Era um dia bonito, o céu estava sem nuvens e o sol brilhava intensamente.

Subiram o morro de La Salette (França) até uma altura de 1.800 metros, sem poderem imaginar o evento sobrenatural que haveriam de testemunhar.

Maximin queria brincar. Ela lhe propôs seu entretenimento preferido: fazer o que ela chamava de paraíso, isto é, uma casinha de pedras toda recoberta de ramalhetes feitos com flores silvestres, que desabrocham naturalmente nas alturas.