segunda-feira, 24 de julho de 2017

A intercomunicação global e a marcha alucinada do mundo
apressam o reino do Anticristo

Triunfo da morte, detalhe. Pieter Bruegel  (1525-1530 — 1569) Museo del Prado, Madri.
Triunfo da morte, detalhe. Prefigura da marcha enlouquecida da Revolução.
Pieter Bruegel  (1525-1530 — 1569) Museo del Prado, Madri.
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs





Continuação do post anterior: Os “sacramentos” da Revolução e a possessão diabólica



O Beato Palau via a Revolução avançando como um bólido descontrolado, impedido de se deter:

“o império do mal pegou velocidade, e corre com tanta maior rapidez quanto maior é o crime que pesa sobre ele, tendo-lhe ficado impossível se deter.

“Na sua corrida, quebra, esmaga, destrói, esfrangalha, vence todos os obstáculos que lhe opomos para fazer que retroceda.

“Progresso! Para frente! Progresso! Bradam seus condutores” (“Faraón y el Anticristo”, El Ermitaño, Nº 77, 28-4-1870).

O B. Palau não tinha ilusões. Se o mundo encharcado de orgulho e sensualidade não se convertesse, a catástrofe prefigurada pelo desastre do trem de Gerona tornar-se-ia espantosa realidade.

Quando sucederia isso?



Ele não estabelecia datas, mas antecipava sinais certeiros. Entre eles, a reação dos homens quando o desastre fosse iminente:

“Na medida em que a sociedade humana se aproximar do cataclismo, sentirá convulsões, comoções horríveis, terá um pressentimento seguro, que lhe anunciará a desgraça.

“Dirá em voz baixa, surda, mas forte: Estamos indo mal! (...) Atrás! Alto! Parem o trem!

“Clamará aos condutores da sociedade inteira, com voz rouca e de trovoada: Alto!!! Estou perdida! Detende-vos, maquinistas, pisai no freno! Ai de mim! Perco-me!

“e os motoristas contestarão em tom arrogante: Não! Maldita, tu vens conosco aos infernos: nós te formamos à imagem dos vícios que te merecem este castigo (...)

“o fogo voraz de tua concupiscência é o que produz na máquina o vapor de tuas doutrinas ímpias, obscenas, impuras, blasfemas, e esse vapor, que tu mesma respiras, essa respiração imunda é o motor que fornece impulso a todo o trem aonde tendes subido. Desce, raça maldita, comigo ao abismo!” (“¡Horrorosa Catástrofe!”, El Ermitaño, Nº 40, 5-8-1869).

A rede de intercomunicação global: condição para o reinado do Anticristo

Procissão na Universidade de Harvard, EUA, pedindo o cancelamento de "Missa Satânica" no local de estudos. O ato luciferino foi suspenso.
Procissão na Universidade de Harvard, EUA,
pedindo o cancelamento de "Missa Satânica" no local de estudos.
O ato luciferino foi suspenso.
À medida que a humanidade – argumentava o B. Palau – for submersa no caos, sentirá calafrios e quererá resistir ao fatídico passo final.

Quando o caos parecer total, a Revolução terá atingido um auge. Porém, ao mesmo tempo, o horror que ela provocará vai gerar condições máximas para a sua ruína.

Prevendo este dilema mortal, a inteligência propulsora da Revolução teria preparado uma cilada: suscitar um pseudo salvador ou pseudo profeta.

Este surgiria como que “miraculosamente”, oferecendo-se como única opção para evitar o caos. Em troca de uma miragem de ordem, pediria a rendição das vontades a seu influxo pessoal.

As redes de comunicação irradiariam ao mundo os desiderata do pseudo salvador. Ele manipularia perspectivas enganosas de paz e prosperidade e sugeriria poderosamente aos últimos fiéis cessarem a resistência à Revolução, convidando-os a adorar seu ídolo.

Na prática, semelhante poder estaquearia o reinado da Revolução, que ameaçaria desabar.

O imperador Napoleão I, que espalhou as doutrinas e derrubou as monarquias, como tinha desejado sem consegui-lo a Revolução Francesa, foi prefigura de uma manobra do gênero.

Segundo o bem-aventurado, no tempo dele estavam postas quase todas as premissas para que a Revolução alcançasse esse sinistro objetivo: uma ditadura universal e a adoração coletiva do ser mais oposto a Cristo que haverá na História.

Porém, no século do bem-aventurado, o XIX, faltava que o progresso nas comunicações e nos transportes permitisse uma conexão tão instantânea e global que um só ente – seja um homem ou uma organização sem rosto – pudesse comandar o planeta com a ascendência de um supremo guia universal.
A inauguração do túnel de São Gotardo, na Suíça, o maior do mundo, foi feita com um ritual de tipo satânico em 1 de junho de 2016.
A inauguração do túnel de São Gotardo, na Suíça, o maior do mundo,
foi feita com um ritual de tipo satânico em 1 de junho de 2016.
“As ferrovias e os fios elétricos – explicava o P. Palau – aproximaram os povos uns dos outros, (...) de maneira que hoje um só homem pode governar e dirigir toda a sociedade humana com mais facilidade do que outrora um rei reger uma só nação.

“Aproximadas as nações umas às outras, a união jogará entre si todos os programas, tanto em política como em religião.

“E o choque no mundo das ideias e da moral será como o dos trens que chocam vindos de direções opostas e provocam uma explosão horrorosa.

“Sendo livres e fáceis a imprensa, a litografia e outros meios de comunicação, criar-se-á uma confusão tal de doutrinas, que podemos afirmar sem temor de sermos desmentidos, que no momento que foi descoberto o vapor e a eletricidade a sociedade humana atingiu a meia-noite.

“A confusão de ideias nas inteligências deu como resultado a revolução em todos os países. Sobre a ruína das monarquias se levantam repúblicas, (...)

“Cada nação percebe em seu seio horríveis convulsões, causadas por programas de governo que se destroem mutuamente.

“Um rei não pode confiar na palavra de outro rei, e olhando-se como inimigos uns dos outros, se armam até os dentes, excogitando novas máquinas de morte.

“Para evitar um conflito convocam-se congressos europeus, e neles não se entendem nem se põem de acordo, e saem deles em desacordo, e cada um faz por si próprio preparativos de guerra que arruínam a nação.

“E essa ruína é a miséria do país. O país se insurge em revolução e nesta situação a sociedade humana anda de mal a pior. (...)

“Aqui tendes tudo quanto convinha preceder o estabelecimento de um império universal no orbe.

“O advento ao trono de um imperador que reduza a uma todas as nações do globo, e a um só todos os programas políticos e religiosos que agora nos dividem, será o ponto final de todas estas revoluções que agitam horrivelmente os povos e os chafurdam pelo chão como como serpentes feridas de morte.

O anticristo quererá reinar como rei e ditador universal. Vitral na igreja de Santa Maria, Frankfurt, Alemanha.
O anticristo quererá reinar como rei e ditador universal.
Vitral na igreja de Santa Maria, Frankfurt, Alemanha.
“Um só Deus, um único rei, uma religião só: este é o programa que gravado nas bandeiras imperiais, encherá um dia de espanto o mundo inteiro, e no dia seguinte lhe dará a paz e a prosperidade.

“Esse dia está tão perto, como perto sentimos estar a dissolução social universal em todos os sentidos e em todas as partes do corpo social” (“La cuestión del Oriente: un imperio universal”, El Ermitaño, Nº 11, 14-1-1869).

Por vezes, o B. Palau qualifica como “império” o ilusório e enganador regime final da Revolução.

Visa assim caracterizar seu perfil ditatorial.

Mas outras vezes o define como uma república federal universal, para ressaltar a nota de recusa a toda forma de autoridade e desigualdade legítima.

A coexistência contraditória do absolutismo odioso com o espírito libertário radical é intrínseca à Revolução.

Essa contradição é uma das características da tirania caprichosa e desapiedada de Satanás sobre o caos da eterna noite infernal.

Com uma mão ele persegue os bons e com a outra favorece os maus.

Podem-se ver exemplos nos momentos ápices das revoluções: no anabatismo de Münster, no Terror durante a Revolução Francesa ou nos extermínios em massa do regime stalinista na ex-URSS.


Vídeo: O Pe. Duarte Sousa Lara, exorcista da diocese de Lamego (Portugal) explica o que é o exorcismo





O Pe. Duarte Sousa Lara, exorcista da diocese de Lamego (Portugal) responde a perguntas sobre o exorcismo



Continua no próximo post: A religião ecumênica amalgama de todas as crenças e o império do Anticristo


11 comentários:

  1. Tudo isso que o Beato Palau diz e denuncia se encaixa perfeitamente no conceito de Nova Ordem Mundial (New World Order em inglês)! Na época em que ele escreveu isso, não havia o termo Nova Ordem Mundial/New World Order; mas, hoje se vê que tudo o que ele profetizou sobre um mundo unido em um só governo e em uma só religião está se realizando na Nova Ordem Mundial. Esse processo ainda não terminou, mas está em acelerado andamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vídeo
      Pe Duarte Sousa Lara - A Nova Ordem Mundial
      https://youtu.be/1VXb1RipvUs
      A pregação sobre o tema da Nova Ordem Mundial começa a partir dos 13:27, mais precisamente aos 13:52. Antes o Pe. Deus alguns conselhos a assembléia.

      Excluir
    2. Correção! Na última frase, se deu um ato falho. Em vez de "o Pe. Deus", entenda-se "o Padre deu". Assim a frase fica: "Antes o Padre deu alguns conselhos a assembléia."

      Excluir
  2. Com a vossa permissão, gostaria de partilhar o vídeo de uma palestra do Padre Duarte Sousa Lara, um famoso exorcista português, que foi aluno do Padre Gabriele Amorth por 10 anos. Na sua palestra ele explica várias coisas relacionadas ao exorcismo. Mais ou menos ao final da palestra, não me lembro o minuto exato, curiosamente ele falou de algo que toca no assunto deste post. Ele disse que o mundo está caminhando para um ponto em que não permitirá a existência de cristãos mornos: ou se será pagão ou cristão! Não haverá meio termo. E, para terminar este meu comentário, gostaria apenas de fazer uma ressalva a uma coisa que o Padre Duarte disse. Ele disse, isso mais ou menos no início da palestra, que "o exorcismo é uma muleta". Com o devido respeito ao sacerdote exorcista, discordo totalmente dessa afirmação dela. O exorcismo não é uma muleta, é uma poderosa oração feita em nome da Igreja. Muitas pessoas que sofrem de algum distúrbio diabólico jamais conseguiriam se libertar se não fosse pela intervenção de um exorcismo feito em nome da Igreja. O vídeo está publicado no canal oficial do Padre Duarte no Youtube.
    Perguntas e respostas I - Pe Duarte Sousa Lara
    https://youtu.be/wt1or_9zDV0

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradecemos a indicação e acrescentamos o vídeo ao post para facilitar a visualização por nossos leitores.

      Excluir
    2. Eu é que agradeço! Para mim, é muito importante que esse tema seja divulgado. Que essa divulgação possa produzir muitos frutos de salvação, sobretudo para as pessoas necessitadas. Deus lhe pague!

      Excluir
    3. Um comentário sobre a palestra do Pe. Duarte Sousa Lara.
      O Pe. Duarte é um padre muito inteligente, piedoso e culto, mas eu acredito que ele erra quando diz que alguém que sofre de uma possessão demoníaca pode se libertar sozinho sem ajuda de exorcismo. A possessão demoníaca supõe que uma força superior tomou conta da pessoa possuída. Como essa força é superior, é lógico que a pessoa possuída não consegue se libertar sozinha e precisa de ajudar para se libertar. Esse conceito de um mais forte que domina um mais fraco está expresso no Evangelho, por exemplo de Lucas, cap. 11: "21. Quando um homem forte guarda armado a sua casa, estão em segurança os bens que possui. 22. Mas se sobrevier outro mais forte do que ele e o vencer, este lhe tirará todas as armas em que confiava, e repartirá os seus despojos." (São Lucas, 11, 21-22.)

      Excluir
  3. Salve Maria!
    Gostaria de parabenizar o blog pela divulgação dos vídeos do Pe. Duarte Sousa Lara sobre exorcismo. Infelizmente, a atividade demoníaca está em ascensão/crescimento no mundo todo hoje em dia. São sinais dos tempos, do final dos tempos. (É previsto no final dos tempos um crescimento da atividade demoníaca) Que possa haver, no Brasil, uma conscientização dos fieis e, sobretudo, do clero e dos bispos, sobre a importância e a necessidade de exorcistas nos tempos em que estamos vivendo; lembrando também os fieis podem pedir aos seus respectivos bispos a nomeação de um exorcista. Ver o Cân. 212, § 2 do Código de Direto Canônico que diz: "Os fieis têm o direito de manifestar aos Pastores da Igreja as próprias necessidades, principalmente espirituais, e os próprios anseios."
    Que Nossa Senhora, Mãe da Misericórdia, obtenha a misericórdia de Deus para nós!

    ResponderExcluir
  4. Se possível, peço-lhe também a divulgação do link de um livro que narra a libertação de uma portuguesa chamada Aldina, através de exorcismos realizados pelo Pe. Duarte. O título do livro é "Jesus de Nazaré resgatou-me".
    http://www.santidade.net/artigos/Jesus-de-Nazare-resgatou-me.pdf
    Esse livro também foi traduzido para o inglês.
    http://www.santidade.net/artigos/Jesus-of-Nazareth-has-rescued-me.pdf
    Até onde sei, o livro não foi publicado no Brasil. Que possa aparecer alguma editora brasileira interessada em publicar o livro, que é muito interessante, mas não politicamente correto, pois denuncia as falsas religiões.

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de partilhar um texto sobre o Anticristo e a marca da besta; o texto é de autoria de um internauta chamado Rossano Wagner. Sabemos que o novo mundo não-cristão e neopagão que está sendo construído, e está em fase avançada, é o mundo onde o Anticristo reinará.
    "O ANTICRISTO ESTÁ CHEGANDO! VOCÊ ESTÁ PREPARADO? Uma das evidências mais seguras que a época do Anticristo e do Falso Profeta está praticamente aqui é o avanço em direção ao sistema da "Marca da Besta". A forma FINAL de adoração do Anticristo é a implantação específica de um "sinal" na mão direita ou na fronte. As pessoas que receberem esse sinal estarão literalmente demonstrando sua adoração ao Anticristo e rejeitando ao Senhor Jesus. Desta forma, elas estarão abrindo seu corpo para ser geneticamente modificado, e deixarão de ser imagem e semelhança do Criador. Logo após a manifestação do Anticristo, ele anunciará a realização de Cerimônias Globais de Iniciação, como está nos escritos da autora ocultista Alice A. Bailey. O propósito dessas cerimônias será o de "reinstalar as religiões de mistério na expressão pública", exatamente como Alice Bailey expressou há mais de cinquenta anos atrás em seu livro "The Externalization of the Hierarchy" (A Exteriorização da Hierarquia). Em outras palavras, o Anticristo vai reinstalar a adoração pública a Satanás, sendo o primeiro passo a iniciação pública de todos os habitantes do mundo no primeiro conciliábulo satânico global. Está previsto que estas cerimônias ocorrerão até nas igrejas, que estarão unidas em uma só religião: este é o ápice da APOSTASIA descrita em 2 Tessalonicenses 2.Por decisão própria, as pessoas que receberem a marca da besta se misturarão aos anjos caídos de Satanás, e terão o mesmo destino que eles: TORMENTO ETERNO NO LAGO DE FOGO E ENXOFRE" : “Seguiu-os ainda um terceiro anjo, dizendo com grande voz: Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o sinal na fronte, ou na mão, também o tal beberá do vinho da ira de Deus, que se acha preparado sem mistura, no cálice da sua ira; e será atormentado com fogo e enxofre diante dos santos anjos e diante do Cordeiro. A fumaça do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, nem aquele que recebe o sinal do seu nome. Aqui está a perseverança dos santos, daqueles que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.” Apocalipse 14:9-12.

    ResponderExcluir
  6. Salve Maria!
    Gostaria de divulgar uma reportagem!
    http://sao-paulo.estadao.com.br/noticias/geral,a-hora-dos-exorcistas-em-sp-no-brasil-e-no-mundo,70001925443

    ResponderExcluir